quinta-feira, 31 de julho de 2008

Filmes e amigos

Encontrar com os amigos pra ver filmes...

Antes só, que mal casado

Eddie é um solteirão, que nunca teve coragem de ter um relacionamento sério e duradouro; até que ele conhece Lila, uma mulher sexy e aparentamente incrível. Pressionado, Eddie decide se casar com ela, mesmo conhecendo-a há apenas seis semanas. Quando eles rumam para a lua-de-mel no México, Lila demonstra ser uma pessoa bem diferente, tornando-se insuportável. Irritado com a transformação de sua esposa, Eddie conhece Miranda, uma jovem por quem se apaixona. Agora ele precisa encontrar um meio de manter Lila afastada, para que possa conquistar Miranda.

Uma comédia com cenas exageradas e roteiro quase irreal. Uma sucessão de enganos e clichês, que diverte sem compromisso.

Não me decepcionei, mas não me surpreendeu positivamente...


Eu sou a lenda

Um vírus incurável, dizimou a população mundial. Robert Neville é um cientista brilhante que é imune ao vírus. Há 3 anos ele percorre Nova Iorque enviando mensagens de rádio, na esperança de encontrar algum sobrevivente. Robert é sempre perseguido por vítimas mutantes do vírus, que aguardam o momento certo para atacá-lo. Paralelamente ele realiza testes com seu próprio sangue, buscando encontrar um meio de reverter os efeitos do vírus.
Eu gosto muito de suspense do tipo ficção científica.
A história desse filme tem uma boa idéia, mas acho mal desenvolvida. A linearidade é quebrada por lembranças da época em que o vírus atingiu a cidade. Se fosse meslhor explorado esses retrocessos, poderia ser mais interessante.

Fica melhor do meio para o fim, já que o início tem belas cenas, mas que ajudam pouco a história. É um bom filme.

Superbad é hoje

Uma comédia adolescente americana.

Evan e Seth são amigos, que estão terminando o colegial. Eles vão para faculdades diferentes e, desta forma, são obrigados a se separar. Seth é desbocado, frívolo e obcecado por sexo. Evan é assustado, esperto e ponderado. Uma noite e uma missão. Tudo pra mudar suas vidas.

Não entendo essa obsessão americana por sexo na universidade, mas ignoremos...Os caras tem uma noite pra tira o atraso, mas a história do filme não é sobre isso, diferenciando dos similares.O filme conta sobre o meio que eles encontraram pra serem populares na "última chance" do colegial.

O diretor tem bons filmes no currículo e os atores já fizeram bons papéis... Esperava um filme mais subliminar, mas encontrei um filme escrachado em excesso. É bom como diversão e só, pois tinha potencial para ser uma boa comédia.

Um comentário:

Fernanda disse...

"People don´t forget... " Huahuahuahuahua!
Não é grandes coisas mesmo não, mas a cena em que Seth - o gordinho - é atropelado, é I-M-P-Á-G-A-V-E-L...
O McLovin também faz a gente dar boas risadas...