domingo, 16 de março de 2008

Entrando para as estatísticas


Eu ia fazer um super texto sobre, mas prefiro ser breve e conciso.

Na volta da festa de ontem, levei as meninas em casa, e no retorno fui assaltado. Numa rua vazia, numa cidade de 80 mil habitantes, onde grande parcela de estudantes já tiveram a mesma sorte.
Prefiro só deixar minha indignação com o poder público brasileiro que anda devagar no processo que tenta consertar anos de exclusão social.

2 comentários:

Marcella disse...

Eu também tive de visitar a delegacia algumas vezes, me furtaram uma jaqueta, celular, identidade e dinheiro. Recuperei incrivelmente quase tudo, menos a jaqueta.

=/

Mariana disse...

Acho q fiquei impressionada com o "seu" assalto. anteontem sonhei q tava sendo assaltada. mto horrivel!
medo de andar por Viçosa...